9.12.19

Oficina da Ilustração – Biblioteca Alexandre Herculano

DESAFIO: RODA das CORES I – primárias, secundárias, neutras
Conhecer bem a roda das cores (ou círculo cromático) é essencial para um artista!
Cores primárias (as mais puras?) – vermelho, azul e amarelo;
Cores secundárias (resultam da mistura das cores primárias) – violeta (vermelho + azul), verde (azul + amarelo) e laranja (vermelho + amarelo);
Cores neutras – branco, preto e cinzento.

DESAFIO: RODA das CORES II – complementares
Os pintores impressionistas, como Van Gogh e Signac, descobriram que as cores se complementam, oferecendo contrastes de grande luminosidade, intensidade e beleza. Amadeo de Souza Cardoso também as utilizou…
As cores complementares “gostam de companhia”, portanto procuram pares:
azul / laranja ou violeta / amarelo ou vermelho / verde
Este último par é o mais usado na época natalícia. É também o dominante na bandeira portuguesa… Será por acaso?

DESAFIO: RODA das CORES III – quentes e frias, complementares
Os nossos artistas descobriram que as cores têm significados diversos:
As cores quentes – amarelo, laranja e vermelho estão associadas a emoções / pensamentos positivos: alegria, amizade, amor, coragem, bravura, otimismo, calor humano, vida. Todavia, podem ser negativas: fúria, zanga, cólera…
As cores frias – verde, azul e violeta representam emoções / pensamentos negativos: tristeza, angústia, ansiedade, nervosismo, morte. Contudo, podem ser positivas, significando tranquilidade, ponderação, esperança…
As cores complementares proporcionam outros significados, mais intensos e até surpreendentes, em função das cores escolhidas, da proporção relativa, etc.

Sem comentários:

Publicar um comentário