24.4.19

23.4.19

O Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano está na fase nacional do CNL

O dia nasceu cinzento...

...o nervosismo tirava o apetite...mas um sorriso fingia o contrário...


...apesar de confiante na preparação feita para a prova, o tempo de espera não ajudava a acalmar...


... chegado o momento da prova, nem queria acreditar na página que lhe deram para ler... tinha de repetir nove vezes a mesma expressão...tinha de ser criativo...e conseguiu...



... de seguida, foi a pergunta de argumentação...



Prova fantástica!!! 

Concluída a prova dos alunos do 3º Ciclo, foi a vez dos do 2º Ciclo e do 1º...

Depois foram largos minutos de espera pela decisão do júri...


...e foi com uma enorme alegria que soubemos que o Rafael Raimundo foi selecionado para a fase nacional. O concelho de Santarém terá um único representante, o Rafael.
Como sempre, representou o Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano com grande dignidade e responsabilidade. Todos nos orgulhamos de ti, Rafael, Direção da Escola, Professores, Colegas e, como deves calcular, para mim é um orgulho especial pois os desafios que te tenho colocado nos muitos anos que caminhamos juntos, têm sido muitos, diversificados e todos tens aceitado com alegria. Muito, muito obrigada, Rafael!!!




22.4.19

Dia Mundial do Livro


Segundo informação recolhida nas notícias da Página Web da DGLAB (Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas). "o Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de abril e pretende promover o livro, os autores, os ilustradores e os editores. Esta data foi escolhida com base na tradição catalã segundo a qual, neste dia, os cavaleiros oferecem às suas damas uma rosa vermelha de S. Jorge e recebem em troca um livro, testemunho das aventuras do heróico cavaleiro. Em simultâneo, é prestada homenagem à obra de grandes escritores, como Shakespeare e Cervantes, falecidos em abril de 1616".
Este ano, a DGLAB escolheu o ilustrador Pierre Pratt para a construção do cartaz comemorativo do Dia Mundial do Livro, no qual cruzou os dois elementos que simbolizam este dia.


"Pierre Pratt nasceu no Quebeque (Canadá) em 1962. Estudou Artes Gráficas no Canadá. Vive em Portugal. Tem trabalhado na área da ilustração para editoras canadianas, francesas, inglesas, americanas e portuguesas".

Para celebrar este dia, lançamos o desafio de se LER+ 

Para LER+ e contribuir para os que nos rodeiam LEIAM+, vamos:
- rodear-nos de livros
- oferecer livros
- apresentar obras literárias lidas na presença das mesmas
- dialogar sobre um filme realizado tendo por base uma obra literária
- conversar sobre a nossa obra preferida, mostrando-a
- comentar notícias de destaque em jornais ou revistas
- ...

VAMOS LER +



10.4.19

Concurso Nacional de Leitura - Fase Intermunicipal

O Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, 23 de abril,  foi o dia escolhido para a fase intermunicipal do Concurso Nacional de Leitura que se realizará no Cine Teatro de Benavente.
O Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano vai ser presentado, ao nível do 3º Ciclo, pelo aluno Rafael Raimundo. Responsável como sempre, já iniciou a sua preparação lendo cuidadosamente a obra Coisas que Acontecem, da autoria de Inês Barata Raposo.
Na última sessão da Oficina da Leitura, apresentou a obra aos colegas, respondeu a questões, leu alguns trechos e argumentou algumas ideias relacionadas com a temática do livro.


Segundo informação recolhida na Página Web da Wook, Inês Barata Raposo é "natural de Castelo Branco, venceu o prémio Branquinho da Fonseca Expresso/Gulbenkian na modalidade juvenil com o livro Coisas que acontecem (2018). Em 2017 foi a única selecionada na categoria de literatura do concurso nacional Jovens Criadores".
Na mesma página Web, estão transcritas algumas frases da obra:
"Dizem que os adolescentes não sabem nada sobre a vida. Por isso, nos casos raros em que sei alguma coisa, faço questão de não dizer a ninguém. Há certos perigos em partilhar pensamentos profundos quando se tem uma colónia de acne acampada na testa - não é por acaso que vos estou a falar em regime de anonimato.
(...) Tudo o que precisam de saber sobre mim também cabe num dia. Um dia que não precisou de ser alegre ou triste para ser marcante. É possível que tenha sido as duas coisas ao mesmo tempo e eu nem dei conta. A vida é assim."