11.3.15

A Arca do Tesouro no JI de Quinta da Anacoreta


Na sala da docente Cristina Faro também se ficou a conhecer o conto de Alice Vieira, A Arca do Tesouro.

Olharam para dentro da caixa levada pela professora bibliotecária e viram que estava vazia, como a caixa que a avó tinha dado à Maria.

 "Maria olhou para dentro da caixa, mas não viu tesouro nenhum. Nem tesouro nem outra coisa qualquer. Nada de nada. A caixa estava completamente vazia...
- Aqui não há tesouro nenhum...- murmurou ela.
A avó deu uma grande gargalhada.
(A avó nunca tinha voz de inverno)
- Claro que não! O tesouro és tu que o vais pôr aí dentro!

Maria não estava a entender nada.
Que tesouro?
E onde ia ela agora descobrir um tesouro?
E quanto custava um tesouro?
A mãe estava sempre a dizer que não havia dinheiro para nada e que por isso é que o pai chegava a casa cada vez mais tarde...

Então a avó explicou-lhe que há muitos tesouros mesmo, mesmo à nossa beira, só que nós é que não damos por eles..."

No final da audição do conto, foram buscar imagens para colocarem na arca do tesouro da sua sala.


 

















Além de terem ouvido o conto, o encontro com a professora bibliotecária foi ocasião para receberem o prémio por terem participado no concurso da Semana da Leitura no ano letivo 2013-2014.




Sem comentários:

Publicar um comentário